Sisu 2019: o que os candidatos precisam saber?

Autor: Nenhum comentário Compartilhar:
Sisu 2019 resultado vestibular ranking na parede

Desde o dia 18 de janeiro, candidatos podem consultar seus resultados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) por meio da Página do Participante. A partir do dia 22, esses candidatos poderão se inscrever no Sisu 2019.

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é o sistema on-line, gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), pelo qual instituições públicas de educação superior oferecem vagas a candidatos participantes do Enem. Este ano, são mais de 200 mil vagas ofertadas por 129 instituições por todo o país que podem ser consultadas aqui.

Enquanto a plataforma oficial de 2019 não vai ao ar, é possível usar a ferramenta Mapa do Sisu. Ela permite utilizar os resultados do Enem para simular em quais cursos e instituições o candidato passaria com base nas notas de corte do Sisu 2018.

Primeiros passos. Para acessar o sistema no dia 22, é necessário número de inscrição do Enem e senha. Mais de 4 milhões de alunos fizeram o Enem 2018 e podem tentar acessar o Sisu 2019 ao mesmo tempo. Então, não se assuste se a plataforma apresentar instabilidade nos primeiros momentos – já aconteceu em outras edições. Acompanhe notícias em fontes confiáveis e canais oficiais, mas lembre-se de que a ordem de chegada não importa.

Enquanto o portal fica no ar, os estudantes poderão alterar suas opções de curso quantas vezes quiserem. A partir do segundo dia, será possível ver a classificação parcial e notas de corte em qualquer curso, diariamente. O Mapa do Sisu ajuda o candidato também nesse momento: atualizada todos os dias, a ferramenta reúne a evolução das notas de corte de cada curso de maneira simples e fácil de visualizar.

O Sisu 2019 fecha dia 25 de janeiro, às 23h59, e a última escolha feita é a que vai ser considerada. Então, nossa dica é não deixar para fazer alterações nos últimos momentos. A chamada regular será publicada dia 28 de janeiro.

Passei, e agora? Parabéns, candidato! As matrículas da chamada regular ocorrem de 30 de janeiro a 04 de fevereiro. Para conhecer os dias, horários e locais de atendimento, consulte a instituição de ensino responsável. Ainda vale lembrar que, com a mudança de regras para 2019, a aprovação é a única chance de matrícula. E isso vale tanto para a primeira quanto para a segunda opção. Isso porque não é mais possível abrir mão da segunda opção para entrar na lista de espera da primeira.

Não passei, e agora? Já é possível demonstrar interesse na lista de espera escolhendo apenas uma das duas opções. A partir de 07 de fevereiro, acontece a convocação dos candidatos em lista de espera. Desse momento em diante, as responsáveis pela divulgação de editais e informações sobre essa e outras possíveis chamadas são as próprias instituições de ensino que ofertam as vagas.

  Próximo Post

Dicas para se dar bem no segundo dia de ENEM

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: